lai

Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

Página Inicial Noticias Lista de notícias Asma: Pacientes recebem orientações sobre como manter a doença controlada
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Asma: Pacientes recebem orientações sobre como manter a doença controlada
Sex, 17 de Maio de 2019 00:00

http://www.hm.ce.gov.br/images/M_images/Comunicacao/Asma/asma_evento.jpg

 

A tosse e o cansaço sempre foram presentes na vida do porteiro Severino Ribeiro. Hoje com 48 anos, ele só descobriu que tinha asma, há quatro anos. Acompanhado pela equipe do Programa de Controle da Asma Grave e de Difícil Controle (Procam), do Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, na manhã desta terça-feira, 14, ele e outros pacientes receberam diversas orientações sobre como manter a doença controlada e evitar as crises.

 

“Eu já tomo alguns cuidados, mas quando chegar em casa, vou ter que conversar com minha esposa, ela lava minhas roupas com sabão e usa muitos produtos para deixar a casa cheirando e eu descobri que esse pode ser o motivo de eu estar sempre em crise”, comentou preocupado.

 

O evento que comemorou o Dia Mundial da Asma, celebrado no dia 5 de maio, orientou pacientes e acompanhantes sobre os cuidados com a limpeza doméstica, a importância de manter uma alimentação equilibrada e tirou dúvidas sobre o uso das medicações. Além disso, teve sorteio de brindes, avaliação nutricional e lanche.

 

http://www.hm.ce.gov.br/images/M_images/Comunicacao/Asma/asma_paciente.jpg

 

“Achei esse evento muito importante, tirei várias dúvidas. As vezes só a medicação não é suficiente, agora vou ter mais cuidado e tentar fazer as coisas do jeito que a equipe ensinou. Assim eu acho que vou diminuir minha tosse”, ressaltou Severino.


A asma é uma inflamação que causa o estreitamento dos bronquíolos - pequenos canais de ar dos pulmões, dificultando a passagem do ar. Ela acomete pessoas de qualquer idade, mas é mais comum ser diagnosticada ainda na infância. A causa exata da asma ainda não é conhecida, mas acredita-se que é causada por um conjunto de fatores: genéticos (história familiar de alergias respiratórias – asma ou rinite) e ambientais.

 

Por ser uma doença crônica, a asma não tem cura, mas pode ser controlada. “O tratamento da asma visa principalmente a melhora da qualidade de vida do paciente. Além dos medicamentos, são necessários outros cuidados para controlar os fatores que disparam a crise da asma. Se o paciente tiver esses cuidados, ele diminui as crises e tem mais qualidade de vida”, orienta a pneumologista e coordenadora do Procam, Isaura Espínola.


A doença


A asma é uma das doenças respiratórias crônicas mais comuns em todo o mundo, acometendo cerca de 300 milhões de pessoas, segundo a Organização Mundial de Saúde. No Brasil, cerca de 6,4 milhões de brasileiros sofrem com o problema, de acordo com a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) do Ministério da Saúde e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

A doença é responsável por mais de 100 mil internações no SUS. O Hospital de Messejana é referência no tratamento de doenças pulmonares de alta complexidade e constantemente alerta para a prevenção das crises e controle da doença. Os sintomas mais comuns são caracterizados, principalmente, por dificuldade respiratória (falta de ar), tosse seca, chiado ou ruído no peito, cansaço e ansiedade.

 

Os problemas ocorrem porque os brônquios do asmático são mais sensíveis quando há exposição aos desencadeadores da doença: fumaça, ácaro ou fungos, produtos de limpeza com cheiros fortes e mudança de temperatura. Resfriados, gripes, estresse emocional e a prática de alguns exercícios sem acompanhamento profissional também podem desencadear crises asmáticas.

 

Atualmente, 2.900 pacientes de todo o estado são atendidos pelo Procam, que conta com uma equipe multiprofissional capacitada para tratar pacientes com problemas mais complexos relacionados à doença. "Nossa equipe é composta por enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas e médicos que atuam junto a cada paciente no intuito de oferecer mais qualidade de vida e manter a asma sob controle", explica Isaura Espínola.

 

http://www.hm.ce.gov.br/images/M_images/Comunicacao/Asma/asma_equipe.jpg


Atendimento

Antes de ingressar no Programa de Controle da Asma Grave e de Difícil Controle, o paciente deve buscar atendimento em um posto de saúde para diagnosticar o tipo de asma. No caso de ser grave ou de difícil controle, ele será encaminhado ao Hospital de Messejana. O programa de controle da asma atende em grupo e individualmente, de segunda a sexta-feira, das 7 às 17 horas.

 

Assessora de Imprensa do Hospital de Messejana
Jessica Fortes
(85) 3101.4092

 

Serviços

Agenda - Junho 2019

Do Se Te Qu Qu Se Sa
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6

Hospital de Messejana - Dr. Carlos Alberto Studart - Avenida Frei Cirilo, 3480 - Messejana - CEP - 60.846-190 Fortaleza/Ce

Fone: (85) 3101-4075 Fax: (85) 3101-4078

© 2009 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados